Aleitamento.com
AmamentaçãoMãe CangurúCriançasCuidado PaternoHumanização do PartoBancos de Leite Humano Espiritualidade & Saúde DireitosProteçãoPromoçãoILCA / IBCLCConteúdo ExclusivoTV AleitamentoGaleria AMNotíciasEventosSites e BlogsLivrariaCampanhas
 
Faça seu login e utilize ferramentas exclusivas. Se esqueceu a senha, acesse o "cadastre-se" e preencha com seu e-mail.

\ Cuidado Paterno \ Homem \ Artigo

ALIENAÇÃO PARENTAL - CAMPANHA INTERNACIONAL

Por: APASE: Associação de Pais e Mães Separados

   

  DIA DA CONSCIÊNCIA PARA A ALIENAÇÃO PARENTAL

25 DE ABRIL

 

VOCE SABIA QUE A ALIENAÇÃO PARENTAL É UMA FORMA DE ABUSO INFANTIL?

 

 A Alienação Parental (AP) é uma forma de abuso infantil que envolve a persuasão sistemática e a manipulação dos filhos (especialmente em separação e divórcio) seja de forma aberta ou por ações sutis que resultem na destruição do afeto e relação que uma vez tiveram com um dos genitores. Como sintomas mais visíveis estão: o medo infundado do genitor alienado, a rejeição a visitação, demonstrações de raiva, baixa auto-estima, depressão e desafeto. No entanto, sintomas menores, e muito menos perceptíveis se instalam nas crianças que sofrerão muitas vezes para o resto de suas vidas.

As crianças podem sofrer efeitos colaterais danosos através da simples exposição ao conflito entre os pais ou quando são utilizados como armas contra o outro.

AP é um caso em que a raiva se sobrepõe à razão, com conseqüências, e cicatrizes que atingem todos os envolvidos, sejam as crianças, o genitor atacado e até mesmo o perpetrador. Para as crianças este dano psicológico e afetivo pode atingir a idade adulta, e até mesmo causar efeitos permanentes, muitas vezes com conseqüências trágicas. Segundo Dr. Richard Warshak no seu Livro Divorce Poison: "Voce verá um grau de raiva e crueldade reservado apenas para os piores inimigos."

A maior parte das pessoas desconhece a AP até ser atingido por ela.

O DIA DA CONSCIÊNCIA PARA A ALIENAÇÃO PARENTAL foi organizado para benefício de ambos:

-as crianças que sofrem da AP

-os adultos de quem as crianças dependem para uma estabilidade emocional – seus pais.

A AP tem sido descrita por inúmeros especialistas sendo primeiramente mapeada por Richard Gardner (http://www.rgardner.com/refs/), e posteriormente dissecada por peritos de todo o mundo (http://www.parental-alienation.info/index.html), mas de forma unânime é aceito o prejuízo psicológico imposto as crianças vítimas desta prática detestável e criminosa.

A APASE, Associação de Pais e Mães Separados e o

www.aleitamento.com se juntam a campanha internacional da

Consciência para a Síndrome de Alienação Parental

http://www.parental-alienation-awareness.com
 


Última atualização: 3/3/2011

 

Curtir

Comentários


Essa é uma área colaborativa, por isso, não nos responsabilizamos pelo conteúdo. Leia nossa Política de Moderação.
Caso ocorra alguma irregularidade, mande-nos uma mensagem.

 

Depoimentos

Gostou do site? Ele te auxiliou em algum momento? Deixe seu depoimento, assine nosso livro de visitas! Clique aqui.

Quem Somos | Serviços | Como Apoiar | Parceiros | Cadastre-se | Política de Privacidade/Cookie/Moderação | Fale Conosco
O nosso portal possui anúncios de terceiros. Não controlamos o conteúdo de tais anúncios e o nosso conteúdo editorial é livre de qualquer influência comercial.
Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar no mesmo, está a consentir a sua utilização. Caso pretenda saber mais, consulte a nossa Política de Privacidade/Cookie.
25 Ano no ar ! On-line desde de 31 de julho de 1996 - Desenvolvido por FW2 Agência Digital